60 Anos

INÍCIO

Tudo começou de um sonho…

…quando o Senhor colocou no coração de alguns servos a necessidade de despertar as igrejas evangélicas brasileiras, visando o estabelecimento de um Instituto Bíblico onde jovens brasileiros pudessem ser preparados. Movidos por tal sentimento, Luís Monteiro da Cruz e outros irmãos reuniram-se em oração para que Deus levantasse os obreiros e despertasse as igrejas evangélicas brasileiras para a obra missionária.

Enquanto este movimento missionário ocorria no Brasil, nos Estados Unidos da América do Norte Deus falava aos corações de três de seus servos: Rev. Paul Guiley, Rev. Frank Lee e Rev. George Powes, dando a todos o mesmo propósito. Movidos pelo Espírito Santo, estes homens com suas famílias vieram para o Brasil.

Em 1955 Deus usou a irmã Maria de Souza Prado para doar um terreno no município de Jacutinga, sul de Minas Gerais, para a fundação de uma escola evangélica. Sendo assim, em nove de junho de 1956 foi lançada a pedra fundamental do Instituto Evangélico Missionário Peniel, mais tarde tendo seu nome mudado para: Instituto Bíblico Peniel.

Os dois primeiros alunos a completar o curso teológico e missionário foram Alberto Darahdgian e Gunther Carlos Kriger. Desde então, Peniel tem sido um instrumento nas mãos de Deus no preparo de obreiros para a obra missionária transcultural no Brasil e em outros países. O “face a face com Deus” tem transformado vidas, empobrecido o inferno e enriquecido o céu.

O 1º ALUNO

Recém convertido a Cristo, eu fui estudar no Instituto Bíblico do Brasil com o propósito de falar com conhecimento e autoridade da Bíblia àqueles que de mim se aproximassem. Isto aconteceu no ano de 1954. Já no final do ano, o professor Rev. Paul Guiley convidou os alunos para uma Conferência da Missão Novas Tribos, que seria realizada em Vianópolis, Goiás. Foi nessa Conferência que Deus falou comigo e eu me consagrei a Ele inteiramente. Na volta para São Paulo, o Rev. Paul Guiley contou-me de uma irmã em Cristo, proprietária de uma fazenda no sul de Minas Gerais, que havia doado cinco alqueires de terra para a Missão Novas Tribos, com a finalidade de iniciar uma escola bíblica missionária. Ele me convidou para ser o primeiro aluno da escola pretendida. Outro aluno do IBB também se decidiu a ir comigo a Jacutinga, MG no dia 15 de janeiro de 1956.

Ficamos alojados ao lado de um armazém de café. Todos os dias andávamos seis quilômetros para limpar o terreno doado com o propósito de construir no local o novo instituto.

Dois meses depois, o Rev. Guiley veio morar com sua família em Jacutinga, que dista seis quilômetros do terreno. Nesse período vieram outros alunos e em seis meses já éramos um grupo de 15 alunos recebendo aulas de maneira precária.

O Rev. Guiley pediu que todos os alunos e professores sugerissem um nome bíblico para o novo instituto. Visto que a comunhão que desfrutávamos com Deus era muito preciosa, alguém sugeriu (Wanda Aren) Peniel, que significa face a face com Deus, o que foi aceito por unanimidade.

Em junho de 1956 foi inaugurado o novo Instituto Bíblico Peniel para a glória de Deus. Quero felicitar a todos pela comemoração dos 60 anos de Peniel. Toda glória seja dada ao nosso Senhor Jesus Cristo.

Alberto Darahdgian (1º aluno, pastor e missionário)

A HISTÓRIA CONTINUA

Estou tendo o prazer de participar de um pouco mais da metade da história de Peniel até o momento. Nos últimos anos, nossa equipe tem visto e participado de mudanças na sociedade, nas igrejas, na Missão Novas Tribos e nos Instituto Bíblico Peniel.

Assim como uma família, Peniel é uma instituição viva, uma vez que pessoas com sentimentos, vontade e inteligência passam por aqui. Então, há uma variedade de sentimentos e atividades em Peniel desfilando todos os dias por meio dos alunos, líderes, visitantes, acampantes e até caminhoneiros e outros motoristas que sentem o desejo de se comunicarem conosco da estrada com suas buzinas. Ninguém fica indiferente ao ter contato com Peniel. Permita-me escrever, não um artigo teológico, mas testemunhar um pouco do que eu vi nesses 31 anos no dia a dia em Peniel:

  • Pessoas angustiadas recebendo consolo pela Palavra de Deus pregada aqui.
  • Casamentos restaurados através da influência de Peniel.
  • Risadas, espírito de competição e equipe desenvolvidos nas noites sociais.
  • Dirigentes de concílios elogiarem a Instituição pelo preparo bíblico aos seus candidatos.
  • Pessoas já se emocionaram e foram desafiadas com as serenatas antigas e atuais.
  • Dias difíceis aliviados com o convívio saudável entre colegas.
  • Capacidades e dons descobertos e desenvolvidos por causa das oportunidades.
  • O Humanismo foi fortemente esmagado nas salas de aula e nos testemunhos pessoais.
  • Os que passaram por aqui descobriram uma intimidade com Deus ignorada anteriormente.
  • Quantos aprenderam como Deus pode controlar a língua de seus servos para edificar outros!
  • Por aqui passaram médicos, advogados e executivos que viram o valor de recolher lixo para os irmãos em Cristo.
  • Alunos se tornarem melhores do que os próprios professores.
  • O socorro mútuo substituindo a falta de envio de ofertas para alunos e professores.
  • Pessoas caladas que, incentivadas pelo próprio convívio com outras pessoas, tornaram-se comunicativas.
  • Por meio de missionários, acampamentos e desafios, a visão missionária começou, aumentou e resultou em pessoas indo para os campos.
  • Suprimento na hora “H” para alunos que teriam que deixar a Escola por falta de pagamento de mensalidades.
  • Crianças que aprenderam histórias bíblicas no berçário.
  • Centenas de pessoas da região que estudaram na “Escolinha de Peniel”.
  • Peniel como fábrica de calçados. Solteiros chegando sozinhos e saindo em pares.
  • Alunos aprendendo a comer verduras e legumes e uma terra maravilhosa, que sempre nos deu preciosos frutos.
  • O temido Programa de Memorização que capacitou obreiros a decorar a Palavra de Deus.
  • Que bênção a Boutique de Peniel que vestiu os alunos sem gastarem um tostão!
  • De caminhadas de muitos quilômetros, caronas em carrocerias de caminhões, até às bicicletas e carros, centenas ou milhares de pessoas ouviram o evangelho através dos evangelismos realizados por alunos e líderes de Peniel.
  • Membros de igrejas que receberam discipulados e igrejas edificadas pelo ministério direto e indireto de Peniel.

A lista seria interminável se juntássemos os depoimentos de todos os que passaram por Peniel. Ninguém poderia escrever essa história sozinho. Peniel é um conjunto de experiências únicas e individuais, mas ao mesmo tempo coletivas.

Somente na glória, com nosso Amado Senhor Jesus Cristo, nosso Pai celeste e o Espírito Santo, saberemos todas as influências, resultados, edificação, conversões, e tudo o mais que o próprio Deus produziu em Peniel e através de Peniel. A história continua enquanto o Senhor permitir ser escrita. Ninguém substituirá os que passaram por aqui nesses 60 anos, mas acrescentarão novos capítulos nesse livro que somente será fechado quando o Escritor Celestial desejar.

Pércio Coutinho (diretor do IBP)

PENIEL HOJE (2016)

Estar em Peniel é um presente de Deus para minha família. Ele se mostra presente, cuidando de nós e suprindo tudo o que precisamos. Ele está nos moldando como um vaso para que cresçamos em conhecimento da sua Palavra, para servi-lo no campo missionário. Estamos felizes por estar aqui, e ver que Deus pode alcançar povos através de pessoas, por isso estamos nos preparando para cumprir o seu mandamento de ir e anunciar. Aonde Ele quiser… Onde há mais necessidade… Nos manda Senhor… Nos usa. “Anunciai entre as nações a sua glória; entre todos os povos as suas maravilhas” (Salmo 96.3).

Aline Ferreira (aluna, 3º semestre)

Peniel é um bom lugar para se entender qual é a nossa função no reino de Deus. “Eu vou dedicar dois anos da minha vida para servir ao Senhor e conhecê-Lo mais”, foi a lição que aprendi durante a viagem para ingressar em Peniel. Com as aulas ganhamos conhecimento, e no dia a dia, trabalhando em equipe, nos relacionando com os demais alunos e sendo aconselhados pelos líderes, Deus molda o nosso caráter. Também podemos aprender, na prática, vários trabalhos que serão úteis no campo missionário. Estou muito feliz por estudar aqui e sei que fará diferença para o resto da minha vida.

João Paulo de Oliveira (aluno, 2º semestre)

Desde que cheguei a Peniel fui submersa em um mar de descobertas! Deus foi tão bom comigo… me deu novas amizades, novos pais, e o privilégio de me aprofundar em sua Palavra. Vejo que o “tudo” que eu deixei não era “nada”, comparado a tudo que Ele me tem dado. Estar em Peniel é maravilhoso! Experimentei o que é sentir saudade, mas ao mesmo tempo ter o coração aquecido; ler a Bíblia e me banquetear, mas ao mesmo tempo ser completamente quebrada. Experimentei a empolgação de aprender algo novo e a frustração de ver que, com minhas próprias forças, não sou capaz de nada.

Paula Braz (aluna, 3º semestre)

A Igreja de Jesus Cristo tem uma missão, e isso é claro quando lemos Marcos 16.15. Somos embaixadores de Cristo e representamos o Senhor com a responsabilidade de anunciar a sua mensagem (2Co 5.20). Você está pronto para esta missão? Você está apto para executar com êxito os propósitos do nosso mestre? O Instituto Bíblico Peniel é o local onde você pode adquirir bagagem e preparo teológico, não só para cumprir a missão dada pelo nosso General, mas também o necessário para triunfar na vida cristã. Venha dedicar sua vida para cumprir os propósitos do nosso mestre. Venha para Peniel!

Rodrigo Torres (aluno, 4º semestre)

Fonte: Revista Confins da Terra, ano 50, nº 165, abr-jun 2016, p. 7-11.

 FOTOS DO ANIVERSÁRIO